Caro Internauta

CARO INTERNAUTA

Caros internautas, voltar a escrever no blog Josias Miguel é um prazer, mas confesso que arranjar tempo para buscar informações, checar veracidade das notícias, redigir, processá-las e postar demanda tempo e fazer isso sozinho para não dividir responsabilidade com as consequências do que escrevo não é fácil. Mas a omissão nunca foi meu forte.

Fico grato àqueles que dedicaram parte do seu tempo para leitura das postagens, cujo objetivo é trazer informações sobre assuntos diversos e fidedignos.

AMURC SOB NOVA DIREÇÃO

A Associação dos Municípios da Região Cacaueira-AMURC, mudou de direção recentemente. O Prefeito de Itajuípe, Marcone Amaral parece que como futebolista só aprendeu a desarmar defesa. Nem bem sentou na cadeira de mandatário da entidade e já desarmou o esquema de defesa anticorrupção instalado há mais de dez anos na AMURC. Demitiu a Gerente Financeira que zelava das contribuições financeiras dos municípios associados. 

A Associação, que foi criada para defender os interesses dos municípios da região cacaueira, já teve seus tempos áureos absorvendo em seus quadros de associados mais de cem municípios, inclusive do extremo sul e sudoeste da Bahia e teve respeitabilidade política. Hoje, com alguns poucos associados, ao que parece, será apenas palanque eleitoreiro ano que vem. 

PREFEITOS ELEITOS E O PALANQUE

Parece ser difícil aos prefeitos eleitos descerem do palanque de campanha e gestar a cidade. Talvez porque com eleições de dois em dois anos não sobre tempo para governar. Antes as eleições foram para prefeitos e vereadores, ano que vem será para deputados estaduais, federais, governadores, senadores e presidente da República, ou seja, começa tudo novamente e haja esquemas fora e dentro das prefeituras.

Tradicionalmente a imprensa de um modo geral dá uma trégua aos empossados. Aos famosos 100 dias de governo cada prefeito tem que mostrar a que veio, ou seja, tem conteúdo para exibir ou acaba a trégua, finda o namoro.

O GOSTO PELO PODER

De repente acontece de determinada candidatura a vereador ser lançada apenas para marcar terreno, ter votos para barganhas ou mesmo para completar o número de candidaturas exigidas a cada partido político. Como a urna é uma caixinha de segredos, de repente ao abri-las surge, surpreendentemente, eleitos antes considerados “zebra”. Pronto, o poder sobe pra cabeça, engrossa o pescoço, fala grosso, exige cargos no executivo e outras coisinhas mais para pertencer à chamada “base” do governo. Se duvidarem, ainda ameaça candidaturas futuras para deputado ou mesmo prefeito, já no campo das oposições. É o poder que, por si só, pode alimentar ganância e na maioria das vezes destruir sonhos.

E A CULTURA QUE SE DANE

É profundamente lamentável a falta de atenção dos governantes, em todos os níveis, para com nossa cadeia produtiva cultural. Para corroborar, basta breve leitura nos orçamentos dos municípios. A pandemia tem levado muitos segmentos empresariais à bancarrota, outros têm sido contemplados com benesses governamentais, mas a cultura não. O setor pede socorro.

PROGRAMA PORTAL BRASIL

E por falar em cultura, está pronto o projeto da volta do famoso programa de calouros Portal Brasil. O Portal Brasil marcou época e abriu mercado de trabalho para muitos dos calouros que  ali se apresentaram, uns chegaram ao cenário musical nacional, a exemplo dos vocalistas das Bandas Rasta Chinela e Arriba Saia. A cantora Tarcila Miner, vencedora de uma das etapas do programa, ganhou um carro zero quilômetro. Tarcila nos encheu de orgulho ao cantar, à capela, o Hino Nacional durante a inauguração da fábrica da FORD em Camaçari. Cidia Luize, vencedora da segunda edição do Portal Brasil, levou oito mil reais em prêmio e foi classificada em segundo lugar no programa nacional FAMA da rede Globo. A terceira edição está gerando expectativa no show business baiano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.